SecVESaD

O SecVESaD procura virtualizar os processos de inscrição e apoio dos alunos. Uma das suas iniciativas principais é a de se usar o Código QR para os alunos se inscreverem e fazerem log-in a partir de autentificação por Single Sign-On.

Para pôr a iniciativa em marcha, é primeiramente necessário que os processos anteriores e já desatualizados sejam desmantelados. A atualização destes terá o seguinte impacto no nível funcional da instituição:
-A entrega de teses e dissertações passará a ser completamente efetuada em formato digital pela plataforma eletrónica;
-As reclamações e sugestões irão passar a ser efetuadas online;
-O lançamento de notas será atualizado automaticamente;
– Declarações e certidões vão poder ser assinadas por escrito por via digital;
-A gestão documental estará automatizada;
-Haverá bases de dados qualificadas para encaminhar mensagens diferentes a determinados públicos-alvo;
-Surgirá a lógica de um sistema de Workflows;
-Estará presente um automatismo de alocação dos docentes na criação/ mudança de estados das unidades curriculares.

No que respeita à tecnologia necessária para que os planos do Campus Aberto possam ser postos em marcha, será necessário o seguinte:
-O uso de cartão de estudante com base em QR code, sendo que o ideal seria as operações de log in serem automáticas e não manuais;
-Dispositivos que permitam a leitura do cartão de cidadão;
-Permissão para os utilizadores da rede só precisarem de se autenticar uma vez por sessão;
-Comunicação com o Portal do Cidadão que integre os quatro serviços independentes (Plataforma de Integração, Fornecedor de Autenticação, Plataforma de Pagamentos da Administração Pública e Gateway de SMS da Administração Pública);
-Criação de um repositório de informação que inclua todo o arquivo digital;
-Upload de enunciados de provas que possa permitir a confirmação da sua própria entrega. O objetivo aqui é também o de possibilitar o acesso ao histórico de tarefas executadas dentro das próprias provas.

O Desmantelamento de processos antigos poderá levar a um elevado número de benefícios, estando entre eles os seguintes:
-A entrega de teses/ dissertações por via digital diminuirá a circulação de papel e o tempo que seria necessário se esta entrega exigisse deslocação ao Campus da Universidade;
-Os prazos são simplificados e automáticos;
-Maior transparência no processo de reclamações e sugestões;
-Maior acessibilidade de preços no que diz respeito a declarações de certidão;
-O facto de os processos passarem a ocorrer pelo meio digital irá permitir a redução de papel;
-O automatismo irá reduzir o tempo despendido por docentes e alunos.